HXS Sim Racing blog-06.png


Nova parceria

É com muito entusiasmo que a HSX Sim Racing anuncia a parceria com o piloto virtual Victor Alves, campeão da última edição do Ultimate Drift Games. A nova temporada do UDG segue a mesma linha do campeonato real da Ultimate Drift, com transmissão narrada, juízes qualificados para avaliação das voltas e um prêmio incrível para o primeiro colocado: um dia de drift na Barbarius.


Quem é Victor Alves

Victor Alves, 23 anos, também conhecido como Yester, faz drift no simulador há mais de 10 anos. Tem um canal no Youtube onde começou a se dedicar em junho do ano passado e já consta com 18mil inscritos por todo o mundo.

Neste canal, Victor apresenta takes bem elaborados de suas perfomances em jogos como Assetto Corsa. Também costuma postar suas corridas oficiais em campeonatos como o Virtual Drift Championship (onde encontra-se em 4º lugar no ranking atual), Drift Masters Virtual Championship (Edição virtual do DMEC), Electronic Drift Championship (finalizou em 5º na edição 2020) e o Ultimate Drift Games (edição virtual do Ultimate Drift).


No último dia 31, Victor postou em seu canal o unboxing do HX-ST V1.2 que recebeu como patrocínio para o UDG. Você pode conferir o vídeo completo abaixo:



Sessão de fotos do Toyota GT86 HSX Sim Racing

Confira abaixo a sessão completa de fotos do GT86 pronto para competir no UDG deste ano. Agradecimentos especiais ao designer da plotagem @AngleDesign13.




Não esqueça de seguir nosso Instagram para ficar por dentro de todas as novidades e ver conteúdo diário de carros e drift!

@hsxsimracing.com



192 visualizações0 comentário

Como alguns de vocês já devem ter percebido, quando colocamos o HX-ST de volta em estoque, reapareceu com a versão 1.2. As melhorias vieram para preparar o freio para futuras modificações. Vamos explicar melhor.



Shield em alumínio para o conector

Para impedir rompimentos do conector por acidente, foi adicionado uma capa em alumínio ao redor da porta micro USB. Isso impede que haja qualquer tipo de quebra ao dar puxões no cabo quando conectado.



Calibração automática

A principal mudança da nova atualização é a calibração que não é mais realizada manualmente em nossa fábrica. Com o novo sistema, instalado no HX-ST, a calibração ocorre semelhante aos volantes, a diferença é que a alavanca não se movimenta sozinha.



Como funciona?

Como vocês já sabem, o HX-ST utiliza um sensor de efeito Hall para identificar o movimento da alavanca. O sensor Hall nada mais é do que um sensor que transmite um sinal elétrico que varia de acordo com a mudança de campo magnético. Em outras palavras, ele varia o sinal quando um imã se aproxima dele.


Agora na versão 1.2, ao conectar o freio de mão à USB, o software automaticamente calibra a posição que a alavanca está como o ponto zero do sinal enviado ao computador. Depois disto, é definido um valor máximo em que o movimento da alavanca vai atingir o 100% do eixo.


Este valor máximo é muito próximo do valor inicial que foi zerado, Ou seja, se você puxar a alavanca aos pouquinhos, logo após conectar ao computador, vai perceber que puxando só uma parte do curso já vai marcar 100% puxado o eixo. Como o objetivo é marcar 100% quando a alavanca estiver no final do curso, no momento em que é puxada além dos 100% registrado, o software reajusta o valor máximo automaticamente.


Desta forma, a variação de 0% a 100% do sinal de eixo no computador se conforma ao curso total da alavanca do HX-ST sozinho. Mas aí você pode se perguntar: qual é avantagem nisso? A versão anterior sendo calibrada de fábrica não daria o mesmo resultado?


Limitadores de curso

Nós sabemos que alguns clientes estão querendo esta opção. O tamanho ideal do movimento da alavanca é muito particular. Alguns gostam do curso grande, outros acham que ficaria melhor se não precisasse mover tanto a alavanca para alcançar o movimento máximo.


Nós estamos desenvolvendo opções para limitar o curso da alavanca, e com a calibração automática da V1.2, o sinal do HX-ST se ajustará automaticamente.


E quem já comprou nas versões anteriores?

Não há possibilidade de atualização do software do HX-ST via computador. Entretanto, isto não irá interferir na possibilidade de recalibração do HX-ST para utilizar um limitador de curso.


Quem tem a versão anterior, basta acessar a janela de configuração 'Controladores de Jogos' do Windows, selecionar o HX-ST e abrir Propriedades. Na janela que abrir, vá para a aba Configurações e clique no botão 'Calibrar...'. Siga os passos que são descritos na tela, e seu HX-ST estará calibrado. Lembrando que você deve fazer isto com um limitador instalado para que se reajuste. Caso queira reverter a calibração, basta clicar em 'Restaurar Padrões', na mesma janela que foi calibrado.




Maior precisão no sensor

A precisão do HX-ST nunca foi limitada, ela sempre foi correspondente aos 8bits (256 níveis). Entretanto, disponibilizando a possibilidade de limitar o curso da alavanca, um movimento menor requisitaria uma precisão maior neste curto espaço para equivaler à anterior.


Variações

O grande desafio encontrado nesta mudança era a variação de tensão (ou voltagem) da fonte do computador. Lembra que explicamos acima que o sensor Hall envia um sinal elétrico? Para que ele envie um sinal elétrico, ele precisa ser alimentado por um sinal elétrico. No caso, os 5V da porta USB de seu computador. A questão é que o sinal elétrico que o sensor envia, se baseia em sua alimentação de 5V. Se os 5V variam, o sinal também varia.


Com a precisão aumentada drasticamente para quando a alavanca tem um curso pequeno, a variação da fonte do computador se torna visível no sinal do HX-ST. Você já viu o sinal de um pedal de volante quando está com o potenciômetro sujo, que fica "tremendo" o sinal do pedal no PC? Era a mesma coisa.


A solução para eliminar este problema e suavizar o sinal, deixando-o mais preciso, foi normalizá-lo. Por limitações do Windows, o HX-ST manda uma amostra do sinal captado pelo sensor a cada 20 milissegundos. Ao invés de ler este sinal uma vez a cada 20ms, agora o software V1.2 lê 20 vezes o sinal, uma vez a cada 1ms, e ao final de 20 leituras, gera uma média para enviar ao Windows. Variações da fonte ocorrem apenas com picos, em poucos milissegundos, o que faz com que a média, elimine estas variações do sinal e deixe o eixo do HX-ST preciso em relação à posição da alavanca.




Conheça mais sobre o freio de mão para PC HX-ST

Acesse nossa loja e confira todos os detalhes e funcionalidades do novo freio de mão da HSX. Pilotar drift e rally no simulador fica muito melhor com um HX-ST!

500 visualizações0 comentário

Na última quarta-feira, o Youtuber Gabriel, mais conhecido por Getaway, recebeu em mãos o novo freio de mão da HSX Sim Racing. Trazendo de perto todos os detalhes, pôde mostrar o uso do suporte MF-60 e dos extensores de alavanca.


Confira o vídeo completo:


Com seu setup completo para jogar drift virtual, só faltava o novo HX-ST. Na demonstração, além de montar, é possível ver a funcionalidade analógica do freio em ação no jogo Live For Speed - o jogo querido de muitos drifteiros de simulador.

300 visualizações0 comentário
1
2